O PODER TERAPÊUTICO DO ABRAÇO E SEUS 10 BENEFÍCIOS

Quem já sentiu a força de um abraço carinhoso sabe o quanto faz bem! O abraço pode ser uma verdadeira terapia, pois quando somos abraçados e abraçamos, recebemos e transmitimos afeto. Quando nascemos o abraço de nossa mãe cuidou de nós e nos protegeu. O abraço é um gesto de amor!

Abraçar é tão benéfico que já existem grupos e terapias que se dedicam a promover o abraço entre as pessoas, como na Itália, uma rede chamada Abracci Liberi, conhecida no exterior como Free Hughs.

E o abraço não precisa ser só em gente não.

Abraçar árvores faz muito bem e tem até uma terapia voltada à isso chamada Silvoterapia.

Outra forma de abraço, é quando abraçamos nossos animais, sentimos mais alegria e muito carinho.

Se não tivermos ninguém para abraçar, abracemos a nós mesmos, nos dedicando a nos amar e respeitar, o primeiro aprendizado de amor parte de nós para conosco mesmo, pois se não nos amamos como vamos amar o próximo.

Além desses benefícios existem mais outros ainda, confiram a seguir como é bom abraçar e o bem que nos faz!

Os 10 benefícios de um abraço:

1. Rejuvenesce

Um abraço contribui para melhorar a oxigenação do sangue.
O ato de abraçar uma pessoa aumenta a produção de hemoglobina, que transporta oxigênio para os tecidos do corpo.
O oxigênio, renova a energia necessária para revitalizar o corpo.

2. É curativo

Abraçar promove bem-estar e cura.
O abraço promove em nosso organismo a produção de hormônios de bem-estar e felicidade que estimulam a cura.
Quando uma pessoa está carente ou doente um abraço produz conforto e a recuperação dela.

3. Promove a empatia

Quando abraçamos outras pessoas rompemos a barreira do distanciamento físico e psicológico e demonstramos empatia com o próximo.
Abraçar é um ato de dar e receber.
Compartilhamos calor e reciprocidade.

4. Melhora a Auto-estima

Pesquisas científicas apontam que o abraço contribui para melhorar nossa motivação, auto-estima e expressividade.
O abraço ajuda no desenvolvimento das crianças, por isso pais abracem mais seus filhos!

5. Evita a Depressão

Cientistas do Canadian Community Health Survey constataram que quem recebe afeto, através de abraços e gestos de carinho, tem menor probabilidade de ter depressão e transtornos psicológicos e emocionais.

6. Combate o estresse

Abraçar alivia o estresse.
Cientistas da Universidade Médica de Viena em seus estudos comprovaram isso.
Abraçar estimula a produção da ocitocina, o hormônio do bom humor e do bem-estar.
A ocitocina neutraliza o estresse.
E o efeito antiestresse do abraço é ainda maior entre aqueles que se conhecem e se amam.

7. Acalma e transmite segurança ao bebê

O abraço promove o vínculo e a expressão de amor entre mãe e filho.
Quando o bebê chora ou está agitado, o abraço o acalma.
A psicoterapeuta norte-americana Virginia Satir disse:
“É preciso 4 abraços por dia para viver, oito abraços por dia para nos manter saudáveis, e 12 abraços por dia para crescer e se desenvolver”.

8. Melhora a Memória

Abraçar é bom para a memória.
Quando abraçamos estimulamos o cérebro e melhoramos nossa memória e isso acontece graças mais uma vez à produção de ocitocina.

9. Faz bem para o Coração

Um estudo publicado na revista Psychosomatic Medicine demostrou que o abraço traz benefício para a saúde do coração, principalmente nas mulheres.
Na pesquisa desse estudo, na qual mulheres foram abraçadas várias vezes, observou-se diminuição da pressão arterial e do hormônio cortisol trazendo benefícios para o coração e circulação sanguínea.

10. Traz sensação de tranquilidade

Ser abraçado e abraçar acalma e ajuda à sair do estado de ansiedade e isto se deve ao fato que o abraço estimula a produção de endorfina.
4 a 12 abraços por dia é a recomendação de especialistas para sentir os efeitos positivos e eficazes do abraço
4 abraços por dia promovem tranquilidade, 14 abraços alivia ansiedade e tensão.

Agora que sabemos o quanto abraçar é bom e terapêutico, aproveitemos quando tivermos oportunidade de abraçar alguém, não custa nada e faz muito bem, tanto para quem abraça, como para quem é abraçado.

Abraçar é um ato de dar e receber que gera reciprocidade entre os seres!